Publicidade

Escola feirense contará com esporte orientação na proposta pedagógica

Compartilhe este Post

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O Esporte Orientação é uma modalidade desportiva praticada em todo o mundo, mas ainda em ascensão no Brasil. Em Feira de Santana, o esporte vem ganhando cada vez mais adeptos. O Centro Integrado de Educação Assis Chateaubriand, escola pública estadual, implantou o esporte como ferramenta interdisciplinar desde o ano de 2015, sendo pioneira na Bahia. O grupo criou em 2017, a Associação Desportiva Calangos do Sertão, fundada por alunos, pais, professores, gestores e funcionários.

Com um auxílio de um mapa e uma bússola, o estudante percorre pontos predeterminados que requer inteligência, astúcia, concentração e vivência que favorece a cooperação e a aprendizagem, desenvolvendo competências e habilidades propostas pela Nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Durante a Jornada Pedagógica 2022 o Projeto Esporte Orientação Escolar, foi reapresentado para a equipe de professores do CIEAC, contando com a presença do Presidente da Federação Baiana de Orientação, Renato Rodrigues.

Durante a pandemia, o projeto sofreu mudanças, incluindo a modalidade virtual, atraindo mais jovens e aumentando o campo de atuação. “Os alunos são acolhidos no projeto ainda no ensino fundamental e ao finalizar a educação básica, eles continuam como atletas e monitores. Temos campeões brasileiros e sul-americanos. Com oito meninos e meninas recebendo bolsa esporte, do Governo Estadual, pela Sudesb. É um verdadeiro Projeto de Vida que vai além dos muros da escola”, disse a professora Erika Teles.

BENEFÍCIOS

A diretora do Assis Chateaubriand, Leisliany Costa lembrou que são muitos os benefícios da orientação no processo de construção e aprendizagem. “Quando o projeto foi pensado, no primeiro momento era de atingir contemplar a área de educação física só que ao longo do desenvolvimento dado o processo de construção nós descobrimos as várias vertentes que esse projeto possibilita e oportuniza ao aluno a desenvolver várias funções cognitivas. Inclusive eficientes porque você não trabalha só com a orientação no que diz respeito à corrida física à questão de um bem-estar saudável, mas a gente trabalha especialmente sobretudo com a questão cognitiva e aí é o que envolve a questão do cérebro, ampliando o seu campo mental o estabelecimento de relações virtuais e trabalha com as diferentes fontes de informações”, disse.

A Equipe Calangos do Sertão conta com os seguintes professores da Unidade Escolar: Denize Mendonça (Educação Física), Erika Teles (Ciências), Rafael Longuinho (Biologia/Química), Dagmar Santana (Inglês), Geane Nunes (Biologia)e José Fábio (Matemática). Além dos professores da escola, a equipe recebe ajuda dos atletas filiados e de outros professores de unidades escolares diversas.

Fonte – Jornal Folha do Estado

Foto – Divulgação

Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.