Publicidade

Capacidade parcial no Joia atende às demandas iniciais da Segundona

Compartilhe este Post

O Estádio Municipal Alberto Oliveira, o Joia da Princesa, está liberado para sediar jogos e receber o torcedor em número reduzido, enquanto o projeto de pânico e incêndio está em fase licitatória para ser executado. Desta forma, o Joia da Princesa pode receber até 6.476 torcedores – a capacidade total é de 16.274 torcedores. A Prefeitura de Feira de Santana apresentou ao Corpo de Bombeiros um projeto de pânico e evacuação, além do certificado técnico de funcionamento dos para-raios para conseguir a liberação. 

De acordo com o prefeito Colbert Martins a capacidade inicial limitada atende às necessidades referentes a jogos da 2ª divisão estadual, cujo o Fluminense representará a cidade. “Se trata de uma alternativa que foi encontrada para atender a demanda inicial. Com o projeto que foi entregue ao Corpo de Bombeiros ficou comprovado que o estádio pode receber um público condizente com a necessidade. É bom para o povo que tem uma opção de lazer e para o Fluminense também porque poderá jogar com o apoio do seu torcedor”, ressaltou.

Mesmo com a liberação parcial, o prefeito disse que os tramites para a elaboração do projeto definitivo de pânico e incêndio seguem em curso. “É necessário um projeto atualizado e nós estamos buscando isso. Não vamos ficar de braços cruzados, mesmo porque já está em andamento a licitação para que se contrate uma empresa para a elaboração do projeto de pânico e incêndio. Não fizemos antes por conta do impasse na dotação orçamentária, mas agora tudo será feito e o nosso estádio continuará servindo ao esporte como sempre serviu”, declarou Colbert Martins.

Dentro do projeto inicial ficou definido o apoio direto Município no dia dos jogos. “Vamos reforçar a presença da Guarda Municipal e além disso  o Corpo de Bombeiros estará dando apoio com a presença de viaturas, ou seja, o torcedor pode ir tranquilo porque terá toda a segurança para assistir aos jogos”, afirmou o prefeito.

Quanto ao problema identificado, no final de abril, nos transformadores de energia, o prefeito assegura que os equipamentos já estão recebendo manutenção. “A Prefeitura alugou um transformador para atender provisoriamente as necessidades do estádio sem prejudicar a realização de jogos”.

Por Cristiano Alves com informações da Secom/PMFS

Foto – Jorge Magalhães

Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.