Publicidade
Publicidade

Durinho diz que “faltou disciplina” para manter estratégia contra Usman

Foto: Reprodução / Combate

Compartilhe este Post

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Depois de um primeiro round que pareceu mostrar o caminho para Gilbert Durinho destronar Kamaru Usman, o brasileiro se viu dominado e acabou nocauteado no terceiro assalto pelo ex-companheiro de equipe na disputa de título do peso-meio-médio (até 77kg), na luta principal do UFC 258, na madrugada deste sábado para domingo. O lutador fez sua autocrítica e acredita que deixar o campeão se recuperar tenha sido um erro.

– A gente tinha a estratégia de misturar bastante, de entrar em queda, de manter a velocidade na mão, de movimentar bastante, de usar o jiu-jítsu. E depois que eu acertei ele ali, meio que saí da estratégia. Comecei a carregar muitos golpes e machuquei bastante ele, mas deixei que ele se recuperasse ali. Daí já fui saindo um pouco da estratégia – analisou, em entrevista exclusiva ao Combate.com.

Durinho comparou sua performance com a que teve contra Dan Hooker em 2018, quando foi derrotado pelo peso-leve. Para ele, “faltou disciplina” para manter o plano traçado antes da luta.

Foto: Reprodução / Combate

Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

Uma resposta

  1. Nearly all of whatever you say happens to be astonishingly appropriate and that makes me wonder the reason why I hadn’t looked at this with this light previously. This article truly did switch the light on for me as far as this subject goes. Nevertheless there is one position I am not really too comfortable with so whilst I try to reconcile that with the actual main theme of your position, allow me observe what all the rest of the readers have to point out.Very well done.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *