Publicidade
Publicidade
Publicidade

Vasco quebra tabu de quase 5 anos no clássico dos milhões

Compartilhe este Post

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Na noite de quinta-feira (15), o Vasco venceu seu maior rival, Flamengo, no Maracanã e pôs fim em um jejum de 17 jogos e 5 anos sem vitórias no clássico. A partida foi válida pela 9ª rodada do campeonato carioca pela Taça Guanabara, onde a equipe de São Januário foi superior no clássico dos milhões. Contou com um bom trabalho da defesa e garantiu três gols encima do rubro-negro.

Os gols do Vasco foram marcados por Léo Matos, Cano e um contra-ataque de Morato aos 32 minutos do segundo tempo com direito a dança em homenagem ao ex-jogador Edmundo, já Vitinho marcou para o Fla no finalzinho do jogo onde permaneceu o placar de 3×1.

Noite de festa para o time Vascaíno que, mesmo recém rebaixado e com investimento muito menor, teve boas estratégias para vencer o Flamengo que por sua vez teve mal desempenho após o troféu da Supercopa do Brasil. O técnico Rogério Ceni avalia sua equipe no jogo e salienta os erros cometidos em campo. Já Marcelo Cabo técnico do Vasco se mostra satisfeito com a equipe e comenta ” Venceu e Convenceu”.

O Vasco não vencia o Flamengo desde 24 de abril de 2016, quando bateu o rival por 2 a 0 em São Januário pelo Carioca, faria 5 anos na próxima semana. O Flamengo buscava empatar o número de jogos de invencibilidade do seu rival no clássico quando o cruz-maltino ficou 20 jogos sem perder para o urubu na década de 1940. Faltavam apenas 3 jogos para o Fla, mas a derrota desta quinta impediu que esta esta marca fosse alcançada.

Após a vitória, o Vasco ganha lugar na 5° posição somado a 13 pontos na tabela, já o Flamengo fica em 2° atrás do Líder Volta Redonda. O próximo confronto da equipe Vascaína será domingo (18) contra o Boa Vista em Bacaxá, e o Rubro-negro encara a Portuguesa-RJ no sábado (17).

Matéria com contribuição de Andressa Pedreira

Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *