Publicidade

CBF realiza encontro histórico com clubes da Série D

Compartilhe este Post

A Casa do Futebol Brasileiro viveu mais um dia de transformações. Nesta terça-feira (5), a CBF recebeu representantes dos clubes que disputam a Série D do Campeonato Brasileiro, em um encontro inédito e importante para o desenvolvimento da competição.

Essa é a primeira vez que todos os clubes e federações são convidados para um mesmo encontro com o Presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues. Idealizador do encontro, o dirigente conduziu a cerimônia no auditório da sede da entidade. Além dele, também representaram a entidade os vice-presidentes Antônio Aquino, Fernando Sarney, Hélio Cury e Reinaldo Carneiro Bastos. “Esse é um momento muito importante para o futebol brasileiro. Recebemos 64 clubes para dialogar e promover uma construção coletiva para a sequência da Série D. Buscamos um futebol mais participativo, de críticas construtivas, de soluções para o crescimento. A Série D é uma competição muito democrática e entendo muito bem as dificuldades enfrentadas pelos clubes. Por isso nos reunimos para se antecipar a essas questões e buscar melhorias”, pontuou Ednaldo Rodrigues em seu discurso na abertura do encontro. 

Na pauta da reunião, estiveram debates sobre o atual andamento da Série D do Campeonato Brasileiro, a infraestrutura de seus estádios e outros detalhes operacionais sobre a realização da competição. O Presidente Ednaldo Rodrigues anunciou, durante o encontro, um aporte financeiro de R$ 9,4 milhões ao todo, a ser distribuído entre os clubes.

A divisão deste novo aporte financeiro se dará assim: os times eliminados na primeira fase ficam com R$ 120 mil. Quem se classificar para o mata-mata garante R$ 150 mil. Além desses valores, o campeão e o vice-campeão da Série D ainda ganham R$ 500 mil e R$ 300 mil, respectivamente.

A reunião contou com a participação dos clubes e federações envolvidas na Série D, que se aproxima das rodadas finais de sua primeira fase. A partir da definição dos classificados, o torneio entra em sua etapa eliminatória, com os primeiros duelos de mata-mata, quando entrará em cena uma das novidades anunciadas na reunião. Das quartas de final em diante, a Série D contará com a ferramenta do árbitro assistente de vídeo (VAR).

Presidente Ednaldo Rodrigues recebe homenagem dos clubes

O Presidente da CBF recebeu uma placa de homenagem dos clubes da Série D. A placa foi entregue das mãos de Antônio Luiz Neto, Presidente do Santa Cruz e representante dos clubes da Série D na Comissão Nacional de Clubes.

Representantes de clubes e federações se fizeram presentes ao encontro

Confira o que disseram alguns dos dirigentes presentes na reunião:

Luciano Hocsman, Presidente da Federação Gaúcha

Acho que foi um momento histórico, onde pudemos contar com a participação dos 64 clubes da Série D. Essa possiblidade de sermos ouvidos, possibilitada pelo Presidente Ednaldo Rodrigues, vai fazer com que o futebol brasileiro cresça, retome o caminho das vitórias e se fortaleça cada vez mais. Me sinto muito honrado e feliz de poder proporcionado esse momento aos clubes filiados ao Rio Grande do Sul, poder conhecer a CBF e concretizar essa proximidade da entidade com os clubes, que é muito importante.

Adriano Aro, Presidente da Federação Mineira

Hoje é um dia histórico, não só para o futebol mineiro, mas para todo o Brasil. O Presidente Ednaldo Rodrigues abriu as portas para os clubes que mais precisam, que são os da Série D, fazendo um discurso emocionante e importante que reconheceu a importância do nosso futebol de base, fundamental para a formação de atletas e na revelação de novos craques para o nosso país. É de extrema importância esse encontro, a Federação Mineira fica muito feliz por termos um presidente com essa iniciativa. Tenho certeza que todos os feitos e promessas anunciados hoje irão contribuir para o desenvolvimento do futebol em todo o país. O presidente está interessado no crescimento verdadeiro do nosso futebol. Todos os nossos clubes ficaram extremamente agradecidos e tenho certeza que todos os valores que serão empregados no fortalecimento da Série D trarão muitos benefícios para o nosso futebol.

Michelle Ramalho, Presidente da Federação Paraibana

O Presidente Ednaldo Rodrigues está de parabéns pela sensibilidade e por esse momento histórico de estar recebendo os 64 clubes da Série D e suas federações. É de suma importância, não apenas pelo lado financeiro, mas porque deu dignidade aos clubes da Série D. A CBF vive hoje um momento de glória e temos que agradecer a ele pelo excelente serviço que está prestando ao nosso futebol.

Antônio Luiz Neto, Presidente do Santa Cruz

A importância de tudo isso está no fato de ser um evento inédito. O Ednaldo está fazendo de tudo para mostrar que está fazendo uma governança moderna, ouvindo os clubes, se permitindo a acatar sugestões para que o futebol brasileiro evolua. Nós ouvimos hoje aqui especialistas em futebol, presidentes de clubes, federações, pessoas da própria CBF… Elas têm comprometimento com o futebol brasileiro. Nós sabemos que o futebol brasileiro cresceu muito no século passado graças aos grandes clubes com grandes torcidas. Precisamos que os clubes que estão surgindo agora tragam os torcedores de volta para os estádios. Ouvimos sobre recuperação de estádios públicos e privados… São ideias brilhantes, que fazem com que reconheçamos que o futebol brasileiro está reencontrando sua destinação popular, que o tornou o maior futebol do mundo. O Presidente Ednaldo Rodrigues está de parabéns, assim como a CBF e todos os clubes da Série D. É o início de uma semente que está sendo plantada e trará excelentes frutos para o futuro do Brasil.

Carlos Alberto Salmazo, Presidente da Ferroviária 

O Presidente Ednaldo Rodrigues nos receber aqui é importantíssimo. Sem ele, a maioria dos clubes não estaria aqui reunida na sede da CBF. É inédito. A Ferroviária-SP se sente recompensada por poder participar dessa reunião. O aporte financeiro é muito bem-vindo devido às nossas dificuldades. É um valor que pensávamos que não teríamos direito, mas pela ação do presidente e de sua diretoria foram viabilizados. O mais importante para nós é ver que estão pensando nos clubes da Série D. Estar aqui na CBF é uma satisfação muito grande para nós.

Roberto Carlos, Presidente da Juazeirense

O Presidente Ednaldo Rodrigues inova e traz um olhar diferenciado, ampliando a visão e incluindo os clubes menores na pauta do futebol brasileiro. É um marco histórico para os clubes da quarta divisão, já que nunca fomos ouvidos por nenhum presidente anterior. Essa iniciativa aproxima as relações entre a CBF e os clubes. Ednaldo mostrou sensibilidade e a partir desse encontro, acredito que vamos avançar nas pautas e nas decisões que fortalecem o conjunto do futebol no Brasil.

Rubens Ferreira Silva, Presidente do Paraná Clube

Tudo que aconteceu aqui hoje é fundamental para os clubes. A situação não é fácil para ninguém. É um evento jamais visto em outras gestões, reunir os 64 clubes de uma vez, dar um alento a todos que estão aqui, entender as dificuldades dos clubes de Norte a Sul do país… nos dá uma esperança. Nos deixa em condições de igualdade com os demais para poder fazer um trabalho melhor, ter um planejamento melhor e entender que a competição da Série D é fundamental para o país. É muito democrática, envolve clubes de diversos estados do país e esses clubes precisam de um aporte para se manterem. 

Fonte – CBF

Foto – Lucas Figueiredo/CBF

Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.