Publicidade

Bellintani não revela prazo para novo treinador: “Não pode demorar”

Compartilhe este Post

O presidente tricolor não se alongou e foi evasivo ao falar sobre os motivos que levaram à demissão de Dado do comando da equipe, que está há seis rodadas sem vencer no Campeonato Brasileiro. “Uma decisão difícil no futebol. A gente tenta priorizar ao máximo os trabalhos mais longos. Mas a percepção geral, inclusive em conversa com o próprio Dado, era de que estava na hora de encerrar o ciclo. Uma decisão difícil, mas necessária”, afirmou Bellintani.

Como o clube não comunicou se Dado pediu demissão, se foi demitido ou se houve comum acordo, pairou a dúvida sobre uma possível permanência do profissional no clube, porém exercendo outra função.

Bellintani afirmou que as portas do clube estão abertas para essa possibilidade, mas acredita que ele deve receber uma proposta para seguir como treinador em outro clube. “A gente conversou, uma conversa em alto nível, amadurecendo essa decisão. Ele sai do Bahia pela porta da frente. Um treinador que deixa um legado. Muito bom, mesmo numa decisão difícil, saber que temos pessoas que deixam um legado. Dado deixa um legado imenso. Falei para ele: “Se quiser seguir, se tem esse desejo…”. A gente entendeu que a partir do trabalho que fez aqui, ele sai para o mercado com um tamanho, uma envergadura maior do que chegou no clube. Ele vai ter proposta que vão valer a carreira dele”, disse.

Concluídos os trâmites da demissão de Dado, o clube agora parte em busca de um novo treinador, porém o perfil do profissional não foi comentado pelo presidente, bem como um prazo para a sua chegada ao Tricolor. “Não vou tratar especificamente de perfil, nome ou prazo. Quando toma decisão de mudança e fechamento de ciclo, até o fechamento a gente não dialoga com outros. A partir de agora começa, com a cautela necessária, a análise necessária. É uma decisão que não pode demorar mais tempo que o ideal. A gente precisa fazer isso de forma rápida, mas que a velocidade não signifique afobamento. A gente começa a analisar os nomes disponíveis no mercado, o perfil que a gente quer. Quem chegar vai precisar oferecer mais do que o que a gente tinha até agora, com muito cuidado, muita calma, mas a velocidade necessária”, disse. “Muito provável que o novo treinador não chegue a tempo para o jogo do fim de semana, nossa deia é que assuma no próximo jogo”, afirmou Bellintani.

O técnico do sub-23, Bruno Lopes, é quem assume os treinos da equipe, mas o clube ainda avalia se ele poderá comandar o time no jogo contra o Grêmio, neste fim de semana.

Foto – Felipe Oliveira/ECB

Fonte – Globo Esporte

Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

2 respostas

  1. Whats Going down i am new to this, I stumbled upon this I have discovered It positively helpful and it has helped me out loads. I hope to contribute & aid other users like its helped me. Great job.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.