Publicidade

Flu tenta se despedir da Série B estadual com honra diante do Canaã

Compartilhe este Post

Depois de uma campanha marcada por altos e baixos na Série B do Campeonato Baiano, o Fluminense se despede hoje em uma partida contra o Canaã, que não tem mais nenhum valor, já que as duas equipes nada mais aspiram em termos de classificação para a fase semifinal da competição, que dá acesso a duas equipes a Série A estadual em 2023.

O Touro do Sertão iniciou a competição cheio de expectativas, mesmo sofrendo uma troca de comando já que Laelson Lopes, profissional inicialmente contratado para dirigir a equipe se afastou por problemas de saúde e em seu lugar, os dirigentes trouxeram Arnaldo Lira, treinador cujo currículo é marcado por grandes trabalhos, inclusive no próprio tricolor feirense.Com a bola rolando, as apresentações da equipe foram fracas, os resultados não vieram e antes mesmo de chegar a metade da fase classificatória já haviam claros indícios de que o time não se classificaria para a fase decisiva da competição.

Houve a troca de comando técnico de Arnaldo Lira por Laelson Lopes e o Touro até deu esperanças de que poderia se recuperar e lutar por uma classificação – com dois triunfos seguidos – mas as possibilidades matemáticas se esgotaram com a derrota de 3 x 0 para o Itabuna na semana passada. O Flu, no momento é 9º colocado com 12 pontos com três triunfos, três empates e quatro derrotas. O Canaã é o 10º com 10 pontos e a exemplo do Touro também nada mais aspira. Caso vença o seu último compromisso, o Fluminense pode até terminar como quinto colocado, dependendo da combinação dos resultados dos outros jogos.

BRIGA

A semifinal da Série B já tem três dos quatro classificados: Jacobinense, Jequié e Juazeiro carimbaram seus passaportes para a semifinal a uma rodada do fim da 1ª fase. O time de Jacobina foi derrotado pelo Flamengo de Guanambi, por 1 a 0, mas garantiu a classificação antecipada com 19 pontos ganhos. Também com 19, o Jequié, que bateu o Canaã por 2 a 1, e o Juazeiro, que goleou o Grapiúna por 5 a 0, confirmaram suas classificações.

O Itabuna, que goleou o Fluminense por 3 a 0, na segunda-feira (4), e o Botafogo, que perdeu para o Jacobina por 1 a 0, no domingo, disputarão a última vaga. Com 18 pontos, o Dragão do Sul, quarto colocado, só depende de si. Basta um empate com o Jacobinense, fora de casa, para se garantir no G-4 sem depender de outro resultado.

Já o Mais Simpático, quinto colocado, precisa torcer por uma derrota do Itabuna, vencer o Flamengo de Guanambi e ainda tirar uma diferença de saldo que hoje é de seis gols.

Na parte de baixo da tabela, o Grapiúna foi rebaixado para a Série C de 2023 com a goleada sofrida para o Juazeiro. Com seis pontos, o time itabunense não alcança mais o Canaã, décimo colocado com dez pontos. A segunda vaga do rebaixamento será disputada entre o próprio Canaã e o Feirense, que tem sete pontos. O time de Feira de Santana, que manda seus jogos em Santo Antônio de Jesus, precisará vencer o Jequié fora de casa, torcer por uma derrota do Canaã para o Fluminense de Feira e tirar uma diferença de saldo de seis gols. O Canaã, por sua vez, só precisa de um empate ou torcer por uma derrota do concorrente para evitar a queda.

Por Cristiano Alves com informações da Federação Bahiana de Futebol

Foto – Hamurabi Dias/FE

Publicidade
Publicidade

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.